Comunicado científico: Qual a modalidade mais incidente de condenação pela Lei de Improbidade Administrativa: enriquecimento ilícito, dano ao Erário ou inobservância dos princípios da Administração Pública?

  • Denise Bittencourt Friedrich Universidade de Santa Cruz do Sul (Brasil)
  • Cynthia Gruendling Juruena Universidade de Santa Cruz do Sul (Brasil)
  • Ingresos a esta página - 189 veces.
  • Galeras de Resumen descargadas - 111 veces.

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.

Biografía del autor

Denise Bittencourt Friedrich, Universidade de Santa Cruz do Sul (Brasil)
Professora de Direito Administrativo da Universidade de Santa Cruz do Sul. Doutora em Direito pelo PPGD da Universidade de Santa Cruz do Sul. Integrante do Projeto de Pesquisa Internacional sobre Patologias Corruptivas, coordenado pelo Prof. Dr. Rogério Gesta Leal.
Cynthia Gruendling Juruena, Universidade de Santa Cruz do Sul (Brasil)
Mestranda em Direito do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Direito da Universidade de Santa Cruz do Sul – UNISC, com bolsa Capes (PROSUP) tipo II. Integrante do Grupo de Pesquisa “Espaço local e inclusão social”, coordenado pelo Prof. Pós-Doutor Ricardo Hermany. Integra o Projeto de Pesquisa Internacional “Patologias Corruptivas”, coordenado pelo Prof. Dr. Rogério Gesta Leal e também participa do Grupo de Pesquisa “Direito, Cidadania e Políticas Públicas”, sob coordenação da Professora Pós-Doutora Marli Marlene Moraes da Costa.
Publicado
2015-12-24
Cómo citar
Bittencourt Friedrich, D., & Gruendling Juruena, C. (2015). Comunicado científico: Qual a modalidade mais incidente de condenação pela Lei de Improbidade Administrativa: enriquecimento ilícito, dano ao Erário ou inobservância dos princípios da Administração Pública?. Revista Eurolatinoamericana De Derecho Administrativo, 2(2), 233-234. https://doi.org/10.14409/rr.v2i2.5215