Cooperação internacional e políticas públicas no GT-ITAIPU/saúde

  • Marcelino Teixeira Lisboa Universidade Federal da Integração Latino-Americana
  • Vanessa Demarchi Peron Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE
Palabras clave: Triple frontera, política pública, salud en las fronteras, relaciones internacionales, itaipu binacional
  • Ingresos a esta página - 0 veces.
  • Galeras de Texto Completo descargadas - 0 veces.

Resumen

O artigo analisa a gênese e a atuação do GT Itaipu Saúde, considerando as questões de cooperação internacional e políticas públicas. O GT é uma iniciativa que provê formas para a resolução de problemas de saúde pública na região da Tríplice Fronteira (Argentina-Brasil-Paraguai). Foram utilizados documentos e atas de reuniões além de entrevistas e observação das discussões das reuniões do grupo. Como resultados, foi possível verificar o histórico do grupo e entender o funcionamento do GT. Concluiu-se que o GT iniciou como uma tentativa de cooperação internacional, que se tornou um tipo de ator que viabiliza políticas públicas de saúde na região da Tríplice Fronteira.

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.

Biografía del autor

Vanessa Demarchi Peron, Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE

Vanessa Peron possui pós-graduação lato sensu em Relações Internacionais Contemporâneas pela UNILA e é mestranda em Tecnologias, Gestão e Sustentabilidade pela Universidade Estadual Oeste do Paraná (UNIOESTE).

Citas

ARAIZA, PATRICIA L. (2005): «Integración transfronteriza en servicios personales de salud. Tendencias en la región norte de México y el sur de Estados Unidos», em: Oliveira, T.M., Território sem limites: estudos sobre fronteiras, Campo Grande, UFMS.

BEAL, ANILTON JOSÉ (2018): «Entrevista concedida aos autores nas dependências do Parque Tecnológico

de Itaipu», Depoimento sobre o GT Itaipu Saúde.

CAPELLA, ANA CLÁUDIA NIEDHARDT (2006): «Perspectivas Teóricas sobre o Processo de Formulação de Políticas Públicas», em: Revista Brasileira de Informações Bibliográficas em Ciências Sociais, vol. 61, pp. 25-52.

CARDIN, ERIC GUSTAVO E ALBUQUERQUE, JOSÉ LINDOMAR COELHO (2018): «Fronteiras e deslocamentos», em:

Revista Brasileira de Sociologia, nº 6, vol. 12, pp. 114-131.

CARLSNAES, WALTER (2013): «Foreign Policy», em: Carlsnaes, W., T. Risse e B.A. Simmons (eds.), Handbook of International Relations, Londres, SAGE.

FUNDACIÓN TESÃI (2018): Historia de la Fundación Tesãi, Ciudad del Este, Fundación Tesãi, disponível em http://www.tesai.org.py/historiaclinica.php (último ingreso: 26/06/2019).

HAMPSON, FEN OSLER (2010): «Deconstructing multilateral cooperation», em: Zartman, W. e Touval, S., International Cooperation: The Extents and Limits of Multilateralism, Cambridge, Cambridge University Press.

HMCC (2010): Hospital Ministro Costa Cavalcanti, Foz do Iguaçu, HMCC, disponível em http://www.hmcc.com.br/institucional.php (último ingreso:26/06/2019).

ITAIPU (2003): Resolução da Diretoria Executiva nº 181, Itaipu Binacional, Diretoria Executiva.

ITAIPU (2006): Resolução da Diretoria Executiva nº 148, Itaipu Binacional, Diretoria Executiva.

ITAIPU (2011): Relatório de Sustentabilidade 2010, Curitiba, Assessoria da Responsabilidade Social.

ITAIPU (2014): Itaipu, um Trabalho de Hércules, chega aos 40 anos, Foz do Iguaçu, Itaipu Binacional,

disponível em https://www.itaipu.gov.br/sala-de-imprensa/noticia/itaipu-um-trabalhode-hercules-chega-aos-40-anos (último ingreso: 26/06/2019).

ITAIPU (2018): Grupo de Trabalho Itaipu-Saúde será replicado na área de influência de Yacyretá, Foz do Iguaçu, Itaipu Binacional, disponível em https://www.itaipu.gov.br/sala-de-imprensa/noticia/grupo-de-trabalho-itaipu-saude-serareplicado-na-area-de-influencia-de-yacy (último ingreso: 26/06/2019).

JANN, WERNER, WEGRICH, KAI (2007): «Theories of the Policy Cycle», em: Fischer, F., Miller, G.J. e Sidney, M.S., Handbook of public policy analysis: theory, politics, and methods, Londres, CRC Press.

KEOHANE, ROBERT OSWALD (1984): After Hegemony: Cooperation and Discord in the World Political Economy, New Jersey, Cambridge University Press.

KINGDON, JOHN W. (2014): Agendas, Alternatives, and Public Policies, 2º ed, Essex, Pearson.

LINDBLOM, CHARLES E. (1991): El proceso de elaboración de políticas públicas [E.Z. Goñi, Trad.], Ciudad del México, Grupo Editorial Miguel Ángel Porrúa.

MACHADO, LIA OSÓRIO, HAESBAERT, ROGÉRIO, RIBEIRO, LETÍCIA P., STEIMAN, REBECA, PEITER, PAULO, NOVAES, ANDRÉ (2005): «O desenvolvimento da faixa de fronteira: uma proposta conceitual-metodológica», em: Oliveira, T.M., Território sem limites: estudos sobre fronteiras, Campo Grande, UFMS.

NAVARRO-FLO RES, OLGA (2009): Le partenariat en coopération internationale: paradoxe ou compromis?,

Montreal, Presses de l’Université du Québec.

PTI (2017): Grupo de Trabalho para Integração das Ações de Saúde na Área de Influência da Itaipu, disponível em Parque Tecnológico de Itaipu: https://www.pti.org.br/pt-br/gtsaude (último ingreso: 26/06/2019).

PÜLZL, HELGA, TREIB, OLIVER (2007): «Implementing Public Policy», em: Fischer, F., Miller, G.J. e Sidney, M.S. (eds.), Handbook of public policy analysis: theory, politics, and methods, Londres, CRC Press.

RUMFORD, CHRIS (2006): «Theorizing borders», em: European Journal of Social Theory, nº 9, vol. 2, pp. 155-169.

SATO , EIITI (2000): «A agenda internacional depois da Guerra Fria: novos temas e novas percepções», em: Revista Brasileira de Política Internacional, vol. 43, nº 1, pp. 138-169.

SATO , EIITI (2010): «Cooperação internacional: uma componente essencial das relações internacionais», em: Revista Eletrônica de Comunicação, Informação e Inovação em Saúde, vol. 4, nº 1, pp. 46-57.

SOUZA, CELINA (2006): «Políticas Públicas: uma revisão da literatura», Sociologias, vol. 16, pp. 20-45.

STERLING-FOLKER, JENNIFER (2002): Theories of international cooperation and the primacy of anarchy: explaining U.S. international policy-making after Bretton Woods, Albany, State University of New York Press.

VARGAS, FÁBIO ARISTIMUNHO (2017): Formação das fronteiras latino-americanas, Brasília, FUNAG.

VAU GHAN-WILL IAMS, NICK (2009): Border Politics: The Limits of Sovereign Power, Edinburgh, Edinburgh University Press.

WEIBLE, CHRISTO PHER M., SABAT IER, PAUL A. (2007): «A Guide to the Advocacy Coalition Framework», em: Fischer, F., Miller, G.J. e Sidney, M.S., Handbook of public policy analysis: theory, politics, and methods, Londres, CRC Press.

ZARTMAN, WILLIAM (2010): «Identity, movement and response», em: Zartman, W., Understanding life in the borderlands: boundaries in depth and in motion, Athens, University of Georgia Press.

ZARTMAN, WILLIAM E TOU VAL, SAADIA (2010): «Return to the theories of cooperation», em: Zartman, W. e Touval, S., International Cooperation: The Extents and Limits of Multilateralism, Cambridge, Cambridge University Press.

Publicado
2019-07-23
Cómo citar
Lisboa, M., & Peron, V. (2019). Cooperação internacional e políticas públicas no GT-ITAIPU/saúde. Estudios Sociales, 56(1), 179-202. https://doi.org/10.14409/es.v56i1.7547