Lelé: arquitetura, urbanismo e engenharia na reestruturação de bairros populares

  • Mg. Arq. Sergio Kopinski Ekerman Faculdade de Arquitetura da Universidade Federal da Bahia
Palabras clave: argamassa armada, autoconstrução, assistência técnica, pré-fabricação, tecnologia
  • Ingresos a esta página - 350 veces.
  • Galeras de Resumen descargadas - 107 veces.
  • Galeras de Texto Completo descargadas - 274 veces.

Resumen

Lembrado por sua contribuição como arquiteto e construtor, João Filgueiras Lima (1932-2014) deixou também legado no campo do urbanismo a partir de seu trabalho em Salvador, Abadiânia e Rio de Janeiro ao longo da década de 80. Tomando como referencial teórico os escritos do arquiteto e urbanista português Nuno Portas, este artigo analisa distintas naturezas da ação de Lelé sobre as cidades, transitando entre escalas variadas de desenho para integrar decisões que transformaram a arquitetura e tecnologia em ferramentas de apoio a uma pioneira consolidação de bairros populares, ainda durante a ditadura militar. Para isto, utilizamos ampla revisão bibliográfica, entrevistas, atividades de campo e pesquisa em arquivos que apoiam tese de doutorado em estágio de conclusão e que objetiva, dentre outros, identificar novos rumos de desenvolvimento e aplicação para tecnologias de pré-fabricação e industrialização da arquitetura na transformação das cidades brasileiras.

 

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.

Biografía del autor

Mg. Arq. Sergio Kopinski Ekerman, Faculdade de Arquitetura da Universidade Federal da Bahia
Professor Adjunto, Núcleo de Tecnologia, Projeto e Planejamento, Faculdade de Arquitetura da Universidade Federal da Bahia
Publicado
2017-12-18
Cómo citar
Kopinski Ekerman, M. A. S. (2017). Lelé: arquitetura, urbanismo e engenharia na reestruturação de bairros populares. ARQUISUR Revista, 7(12), 34-45. https://doi.org/10.14409/ar.v7i12.6779
Sección
Artículos